Pare A Fobia De Cachorro: Técnicas Eficazes Para Latidos Excessivos

Você já foi acordado no meio da noite por seu cachorro latindo incessantemente?

Ou você já teve um vizinho reclamando do latido excessivo do seu amigo peludo?

Se assim for, você não está sozinho. Muitos donos de cães lutam com esse problema, mas e se eu dissesse que latidos excessivos podem ser um sinal de um problema mais profundo?

A fobia canina, também conhecida como cinofobia, é um problema sério que afeta muitos cães e seus donos. Neste artigo, explorarei as causas da fobia de cães e como lidar com o latido excessivo de maneira saudável e eficaz.

Principais conclus√Ķes

  • Para reduzir o latido excessivo em c√£es, identifique a causa e trate-a usando v√°rios m√©todos, incluindo ensinar o comando "quieto" e fornecer estimula√ß√£o mental e f√≠sica.
  • T√©cnicas de treinamento eficazes incluem dessensibiliza√ß√£o, uso de comandos, remo√ß√£o de objetos ofensivos e refor√ßo do comportamento silencioso.
  • O refor√ßo positivo e a estimula√ß√£o mental s√£o √ļteis para treinar c√£es para que parem de latir excessivamente.
  • Se os rem√©dios e suplementos naturais falharem, procure ajuda profissional, pois o latido excessivo pode indicar uma condi√ß√£o m√©dica subjacente ou problema comportamental.
  • Evite latidos excessivos mantendo os c√£es ocupados, redirecionando o comportamento, removendo-os das √°reas de gatilho, aumentando o exerc√≠cio e o tempo de brincadeira, mantendo uma programa√ß√£o di√°ria consistente e limitando os est√≠mulos visuais.
  • Evite erros comuns, como recompensar latidos inadvertidamente, usar t√°ticas baseadas em puni√ß√£o, n√£o atender √†s suas necessidades, n√£o identificar gatilhos e recompensar comportamentos indesejados.

Latido excessivo em c√£es

Os cães latem por vários motivos, mas o latido excessivo pode ser um problema tanto para o cão quanto para o dono. Se o seu cão estiver latindo excessivamente, identifique a causa do comportamento para resolvê-lo de forma eficaz.

Aqui est√£o algumas dicas sobre como parar o latido excessivo em c√£es:

1. Remova a motivação para latir

Identifique o que desencadeia o latido do seu c√£o e remova-o. Por exemplo, se o seu cachorro late para as pessoas que passam pela sua casa, feche as cortinas ou leve o cachorro para outro c√īmodo.

2. Ensine o comando "quieto"

Use uma voz calma e firme para dizer ao seu c√£o para ficar "quieto" e reforce positivamente o comportamento correto com guloseimas e carinho. Repita o comando e recompense seu c√£o quando ele parar de latir.

3. Redirecione seu comportamento

Dê ao seu cão um brinquedo ou guloseima para redirecionar sua atenção da área do gatilho. Por exemplo, se seu cachorro late na campainha, dê a ele um brinquedo para brincar.

4. Dessensibilize seu cão ao estímulo

Exponha gradualmente o seu c√£o ao est√≠mulo que desencadeia o latido, come√ßando com um baixo n√≠vel de exposi√ß√£o, e recompense-o pelo comportamento calmo. Por exemplo, se o seu c√£o late para outros c√£es, comece expondo-o a um c√£o √† dist√Ęncia e recompense-o por um comportamento calmo.

5. Ignore os latidos

Não dê atenção ao seu cão para latidos de demanda, mesmo que seja para dizer "não". A atenção é seu próprio tipo de recompensa para um cachorro, e eles podem continuar latindo se conseguirem.

6. Remova as distra√ß√Ķes

Se o seu cachorro passa o dia olhando pela janela e latindo para pessoas, cachorros e ve√≠culos em sua vizinhan√ßa, remova a distra√ß√£o gerenciando o ambiente. Por exemplo, feche as cortinas ou leve seu cachorro para outro c√īmodo.

7. Procure ajuda profissional

Se você não conseguir descobrir por que seu cão está latindo excessivamente ou se precisar de ajuda adicional, entre em contato com um treinador ou veterinário.

Efeitos negativos do latido excessivo

O latido excessivo pode ter efeitos negativos na sa√ļde e no bem-estar de um c√£o. Aqui est√£o algumas raz√Ķes do porqu√™:

  • Dor de garganta e danos √†s cordas vocais: latir o dia todo pode causar dor de garganta e danificar as cordas vocais do c√£o.
  • Estresse: Um c√£o que late por longos per√≠odos de tempo est√° em uma quantidade consider√°vel de estresse. Ele provavelmente est√° latindo por causa de estressores externos (como outros c√£es aos quais ele √© reativo, ru√≠dos assustadores ou at√© mesmo coelhos e esquilos que ele deseja perseguir) ou estressores internos, como ansiedade de separa√ß√£o ou t√©dio.
  • Problemas subjacentes: o latido excessivo pode ser um indicador de problemas subjacentes, como dor, medo, ang√ļstia, presen√ßa de gatilhos ou falha em atender √†s necessidades mentais e f√≠sicas do c√£o.
  • T√©dio: latidos excessivos podem ser um sinal de que seu cachorro est√° entediado. Quando os c√£es n√£o t√™m enriquecimento suficiente durante o dia, eles podem desenvolver h√°bitos destrutivos.

Como parar o latido excessivo

Para interromper o latido excessivo, identifique a causa subjacente e trate-a de acordo. Aqui est√£o algumas dicas:

1. Forneça estimulação mental e física

Certifique-se de que seu cão tenha bastante exercício, estimulação mental e interação social. Leve seu cachorro para passear, brinque com ele e dê brinquedos para ele brincar.

2. Procure ajuda profissional

Se o latido excessivo persistir, procure o conselho de um treinador de c√£es baseado em recompensa, veterin√°rio e/ou especialista em comportamento veterin√°rio qualificado.

3. Aborde os problemas subjacentes

Resolva quaisquer problemas subjacentes, como dor, medo, ang√ļstia ou gatilhos que possam estar fazendo seu c√£o latir excessivamente. Por exemplo, se seu c√£o est√° latindo devido √† ansiedade de separa√ß√£o, pode ser necess√°rio trabalhar com um treinador para ajud√°-lo a se sentir mais confort√°vel quando voc√™ n√£o estiver em casa.

4. Use treinamento de reforço positivo

Use o treinamento de reforço positivo para ensinar ao seu cão comportamentos alternativos para substituir o latido excessivo. Por exemplo, você pode ensinar seu cachorro a ir para a cama em vez de latir para a campainha.

Por que a ansiedade canina é importante ao lidar com latidos de cachorro

Se voc√™ tem medo de cachorros, n√£o est√° sozinho. Muitas pessoas sofrem de fobia de c√£es, que pode variar de um leve desconforto a ataques de p√Ęnico completos.

Mas e os cães ansiosos? A ansiedade canina é um problema real que afeta muitos cães e pode levar a latidos excessivos.

Quando um c√£o est√° ansioso, ele pode latir excessivamente como forma de lidar com o estresse.

Se você está lidando com um cachorro latindo, é importante considerar se o comportamento dele é resultado de ansiedade.

Abordar o problema de ansiedade subjacente pode ajudar a reduzir os latidos e criar um ambiente mais calmo e tranquilo para você e seu amigo peludo.

Portanto, se você deseja parar de latir de cachorro, vale a pena considerar se a ansiedade canina pode ser um fator contribuinte.

Para maiores informa√ß√Ķes:

Gerenciando a ansiedade canina: pare o latido excessivo

Gatilhos e técnicas de treinamento

Os cães latem por vários motivos e é essencial identificar a causa subjacente do latido excessivo para resolver o problema de maneira eficaz. Aqui estão alguns gatilhos comuns para latidos excessivos em cães:

  • Dor ou doen√ßa: os c√£es podem latir excessivamente quando est√£o sofrendo de dor ou doen√ßa. Se voc√™ suspeitar que seu c√£o est√° com dor ou indisposto, leve-o ao veterin√°rio para um check-up.
  • Medo: latidos excessivos podem ser a forma de um c√£o expressar medo e/ou alertar sobre uma amea√ßa real ou percebida. Eles podem ter medo de pessoas ou c√£es se aproximando e de certos ru√≠dos (por exemplo, fogos de artif√≠cio, tempestades, cortadores de grama).
  • T√©dio: os c√£es podem latir excessivamente quando est√£o entediados ou solit√°rios. Certifique-se de que seu c√£o tenha estimula√ß√£o mental e f√≠sica suficiente para mant√™-lo ocupado.
  • Ansiedade de Separa√ß√£o: Os c√£es podem latir excessivamente quando s√£o separados de seus donos. Se o seu c√£o sofre de ansiedade de separa√ß√£o, considere treinar em uma caixa ou procurar ajuda profissional.
  • Territorial/Protetor/Alarme/Medo: Este tipo de latido geralmente √© motivado por medo ou uma amea√ßa percebida ao seu territ√≥rio ou pessoas. Historicamente, muitas ra√ßas de c√£es foram mantidas guardando as casas e propriedades de seus donos, ou para alertar os donos sobre a presen√ßa de intrusos.
  • Frustra√ß√£o: Alguns c√£es latem excessivamente apenas quando s√£o colocados em uma situa√ß√£o frustrante, como quando n√£o podem acessar seus companheiros de brincadeira ou quando est√£o confinados ou amarrados de forma que seus movimentos sejam restritos.

Técnicas de treinamento para reduzir o latido excessivo em cães

Depois de identificar a causa do latido excessivo do seu cão, é hora de começar a treiná-lo para parar. Aqui estão algumas técnicas de treinamento eficazes para reduzir o latido excessivo em cães:

Ensine o comando "Silencioso"

Uma das principais maneiras eficazes de reduzir o latido excessivo em cães é ensiná-los o comando "quieto". Use uma voz calma e firme para dizer ao seu cão para ficar "quieto" e reforce positivamente o comportamento correto com guloseimas e carinho.

Dessensibilização

Aos poucos, exponha seu cão aos estímulos que causam latidos e recompense-o por um comportamento calmo. Por exemplo, se seu cachorro late ao som da campainha, toque a campainha repetidamente até que ele pare de latir e, em seguida, recompense-o com uma guloseima.

Uso de Comandos

Ensine seu c√£o a parar de latir com um comando, como "quieto" ou "chega". Seja consistente com seus comandos e recompense seu c√£o por segui-los.

Remoção do objeto ofensivo

Remova o objeto que est√° fazendo seu cachorro latir, como fechar as cortinas para bloquear a vis√£o do lado de fora. Se o seu cachorro late para as pessoas que passam, considere mudar a cama para uma √°rea mais silenciosa da casa.

Reforce o comportamento quieto

Use uma isca de comida ou brinquedo ou um cabresto para reforçar o comportamento quieto. Quando seu cão parar de latir, recompense-o com uma guloseima ou brinquedo.

Mantenha as sess√Ķes de treinamento positivas e consistentes

Gritar com seu c√£o para ficar quieto n√£o reduzir√° seus latidos, portanto, mantenha as sess√Ķes de treinamento positivas e consistentes. Use t√©cnicas de refor√ßo positivo e seja paciente com seu c√£o.

Reforço Positivo e Estimulação Mental

Os c√£es s√£o conhecidos por seus latidos, mas o latido excessivo pode ser um inc√īmodo para voc√™ e seus vizinhos. Refor√ßo positivo e estimula√ß√£o mental podem ser usados ‚Äč‚Äčpara treinar seu c√£o a parar de latir excessivamente.

Aqui est√£o algumas dicas para ajud√°-lo a conseguir isso:

1. Use Reforço Positivo

O reforço positivo é um método de treinamento que encoraja o comportamento desejável. Nesse caso, você quer que seu cachorro pare de latir ou fique quieto. Preste muita atenção ao seu cão e sempre que ele estiver calmo e quieto, recompense-o com atenção, carinho ou um petisco de treinamento.

Isso reforçará o comportamento que você deseja ver mais.

2. Desenvolva uma dica verbal calma

Desenvolva uma dica verbal calma como "Sil√™ncio, quer uma guloseima?" isso far√° com que seu c√£o saiba que o latido √© inaceit√°vel. Comece com sess√Ķes de treinamento em que voc√™ recompensa o comportamento quieto de seu c√£o com essa sugest√£o, seguida de uma guloseima ou de um brinquedo favorito.

Depois que seu cão aprender a dica verbal calma, você poderá usá-la durante momentos de latidos indesejados, como o toque de uma campainha ou o som de outros cães latindo, para solicitar a resposta silenciosa.

3. Não recompense latidos em busca de atenção

Se o seu cão não responder à sugestão verbal e continuar a latir, use uma sugestão diferente em um tom de voz diferente, como "ainda aprendendo" e, em seguida, retire sua atenção afastando-se por um curto período de tempo.

Isso ensina ao seu cão que ele não será recompensado com mais atenção se continuar latindo.

4. Nunca castigue seu cachorro

Punir seu cão por latir pode piorar o problema e prejudicar seu relacionamento com seu animal de estimação. Em vez disso, concentre-se no reforço positivo para encorajar o comportamento que deseja ver.

5. Dê guloseimas e elogios quando seu cão faz certo

Dê guloseimas, elogios, carinho, massagens nas orelhas, na barriga ou o que quer que seu cão mais aprecie quando parar de latir. Isso reforçará o comportamento que você deseja ver mais.

Exercício e estimulação mental

Exercício e estimulação mental desempenham um papel significativo na redução do latido excessivo em cães. Aqui estão algumas maneiras de conseguir isso:

  • Certifique-se de que seu c√£o est√° fazendo exerc√≠cios f√≠sicos e mentais suficientes todos os dias. Um c√£o cansado tem menos probabilidade de latir de t√©dio ou frustra√ß√£o.
  • Atividades de enriquecimento, como fornecer jogos para estimula√ß√£o e quebra-cabe√ßas ou aumentar a quantidade de exerc√≠cios que um c√£o faz, podem reduzir os latidos inc√īmodos.
  • Os c√£es precisam de exerc√≠cio, disciplina e carinho para parar de latir. O exerc√≠cio e a disciplina fornecer√£o a estimula√ß√£o f√≠sica e psicol√≥gica que eles desejam. O carinho dar√° ao c√£o um sentimento de pertencimento √† sua matilha.
  • A melhor receita para qualquer problema de latido, seja qual for a causa, geralmente √© o aumento do exerc√≠cio e estimula√ß√£o mental. Isso ajuda a reorientar a mente de um c√£o e cans√°-lo, reduzindo assim o latido.
  • Adicionar atividades mais estimulantes mentalmente √† rotina de um c√£o pode ajudar a cans√°-lo e diminuir a probabilidade de desenvolver problemas comportamentais, como mastigar ou latir excessivamente.

Interrupção Positiva

A interrupção positiva é um comportamento bem programado e altamente reforçado que permite que você redirecione a atenção do seu cão de volta para você quando ele estiver latindo excessivamente. Isso pode ser alcançado ensinando ao seu cão um comportamento específico, como sentar ou deitar, que ele pode realizar quando ouvir a deixa de interrupção.

Depois que seu cão aprender esse comportamento, você poderá usá-lo para redirecionar a atenção dele e interromper o latido excessivo.

Remédios naturais e busca de ajuda profissional

Os c√£es latem por v√°rios motivos, incluindo medo, t√©dio ou ansiedade. Embora alguns latidos sejam normais, latidos excessivos podem ser um inc√īmodo tanto para o dono do c√£o quanto para a comunidade. Felizmente, existem v√°rios rem√©dios e suplementos naturais que podem ajudar a reduzir o latido excessivo em c√£es.

Exercício

O exercício é uma das melhores maneiras de aliviar sua própria tensão e também é um excelente remédio para animais ansiosos. Certifique-se de que seus amigos de quatro patas estão fazendo bastante exercício todos os dias. Levar seu cão para passear ou correr pode ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade, o que pode levar a menos latidos.

√ďleo de lavanda

O óleo de lavanda é conhecido por seus efeitos calmantes e calmantes. Coloque algumas gotas em uma bandana que seu cachorro usa. O cheiro de lavanda pode ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade, o que pode levar a menos latidos.

calmantes

Se o latido do seu c√£o estiver enraizado na ansiedade, v√°rios calmantes podem ajudar em conjunto com o plano de modifica√ß√£o do comportamento. O spray Adaptil‚ĄĘ √© uma forma sint√©tica do ferom√īnio mam√°rio calmante para c√£es lactantes.

Ele vem como um difusor plug-in, spray para a cama do seu c√£o ou uma bandana, ou uma coleira que emite o ferom√īnio por 30 dias e vai aonde seu c√£o for sem ter que reaplic√°-lo todos os dias.

Citrino

Você pode diluir um pouco de frutas cítricas com um pouco de água para impedir o cachorro de latir. Basta misturar algumas gotas de toranja, suco de limão, suco de limão ou suco de laranja com água e borrifar nas áreas onde seu cão late mais.

O cheiro de frutas cítricas pode ajudar a dissuadir seu cão de latir excessivamente.

Baunilha, coco, gengibre e raiz de valeriana

Amarre uma bandana ou coloque um colar com esses aromas e veja se isso os acalma ou os deixa com sono. Esses aromas s√£o conhecidos por seus efeitos calmantes e podem ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade em c√£es.

Procurando ajuda profissional

Observe que rem√©dios e suplementos naturais podem n√£o funcionar para todos os c√£es, e latidos excessivos podem ser um sinal de uma condi√ß√£o m√©dica subjacente ou problema comportamental. √Č sempre melhor consultar um veterin√°rio ou um treinador profissional de c√£es para determinar a causa do latido excessivo e desenvolver um plano de tratamento adequado.

Aqui est√£o alguns sinais de que o dono de um cachorro deve procurar ajuda profissional:

  • O cachorro late excessivamente e de forma perturbadora, causando problemas com os vizinhos ou com a comunidade.
  • O cachorro late por longos per√≠odos de tempo, mesmo sem motivo aparente.
  • O c√£o late excessivamente devido √† ansiedade de separa√ß√£o ou outros problemas comportamentais.
  • O c√£o late excessivamente devido a problemas m√©dicos.

Ao procurar ajuda profissional, o propriet√°rio deve discutir as op√ß√Ķes de tratamento com o veterin√°rio. C√£es que sofrem de problemas de comportamento precisam ter um plano criado, geralmente por um treinador profissional de c√£es ou um especialista em comportamento canino, para resolver os problemas que causam o latido excessivo.

Observe que a punição não deve ser usada, pois pode aumentar a ansiedade ou inadvertidamente servir como atenção.

Em vez disso, o reforço positivo deve ser usado para ensinar o cão a latir menos.

Prevenção e erros comuns

Cães latem, é apenas uma parte natural de seu comportamento. No entanto, o latido excessivo pode se tornar um problema tanto para o cão quanto para o dono. Aqui estão algumas dicas para evitar latidos excessivos em cães:

Brinquedos para exercícios regulares e quebra-cabeças

Uma das melhores maneiras de evitar latidos excessivos em cães é mantê-los ocupados. O exercício regular e o uso de brinquedos de quebra-cabeça podem manter seu cão ocupado durante uma chamada de trabalho ou quando você está assistindo TV.

Para começar, evitar que seu cão latir - cansando-o ou dando-lhe algo para fazer - é mais fácil do que tentar fazê-lo parar de latir.

Comportamento de Redirecionamento

Outra forma de evitar o latido é redirecionando o comportamento com guloseimas ou um brinquedo. Isso pode ajudar a evitar latidos em todos os cenários.

Removendo seu c√£o da √°rea do gatilho

Se o seu c√£o estiver latindo devido a um gatilho, remov√™-lo da √°rea pode ajudar a evitar o latido. Isso pode ser √ļtil se o seu cachorro estiver latindo para o carteiro ou outros animais do lado de fora.

Aumente o exercício e o tempo de jogo

Aumentar o exercício e o tempo de brincadeira do seu cão também pode evitar latidos desnecessários. Um cão cansado tem menos probabilidade de latir excessivamente.

Cronograma Di√°rio Consistente

Manter uma programação diária consistente para alimentação, exercícios e brincadeiras também pode ajudar a evitar latidos excessivos. Os cães prosperam na rotina e uma programação consistente pode ajudar a mantê-los calmos e reduzir o latido.

Atendendo às necessidades do seu cão

Garantir que as necessidades de comida, água e temperatura ambiente do seu cão sejam atendidas também pode ajudar a evitar latidos excessivos. Se o seu cão estiver desconfortável devido à fome ou sede, ele pode latir excessivamente.

Ensinando o Comando "Quieto"

Ensinar ao seu c√£o o comando "quieto" usando uma voz calma e firme e refor√ßando positivamente o comportamento correto com guloseimas e carinho tamb√©m pode ser √ļtil. Esta pode ser uma ferramenta √ļtil para fazer seu c√£o parar de latir sob comando.

Limitando o que seu cão vê

Se o seu c√£o est√° latindo por raz√Ķes territoriais, protetoras, de alarme ou medo, limitar o que ele v√™ pode ser √ļtil. Por exemplo, se seu cachorro est√° latindo para as pessoas que passam pela casa, fechar as persianas pode ajudar a evitar latidos.

Erros Comuns a Evitar

Ao tentar fazer com que seu c√£o pare de latir excessivamente, existem alguns erros comuns a serem evitados:

Latidos recompensadores inadvertidos

Um dos maiores erros que os donos de cães cometem é inadvertidamente recompensar seus cães por latir com atenção. Se o seu cachorro late e você dá atenção a ele, ele pode continuar a latir para chamar sua atenção.

Usando Táticas Baseadas em Punição

O uso de táticas ou dispositivos baseados em punição, como colares de latidos, sprays, choque ou colares com pontas, é desumano e ineficaz. Essas táticas podem causar medo e ansiedade nos cães e piorar o latido.

Não atender às necessidades do seu cão

Não atender às necessidades do seu cão também pode causar latidos excessivos. Os cães precisam de exercícios, estimulação mental e atenção para serem felizes e saudáveis.

N√£o Identificando Gatilhos

Não identificar os gatilhos que fazem seu cão latir também pode ser um erro. Se você não sabe o que está causando o latido, pode ser difícil evitá-lo.

Comportamento indesejado gratificante

Por fim, recompensar um comportamento indesejado dando aten√ß√£o ao cachorro quando ele late tamb√©m pode ser um erro. √Č fundamental recompensar apenas o bom comportamento e ignorar o mau comportamento.

A √ļltima palavra sobre o assunto

Ent√£o, a√≠ est√°, um guia completo sobre como parar de latir excessivamente em c√£es. Mas antes de encerrarmos as coisas, deixe-me oferecer uma perspectiva √ļnica sobre o assunto.

Como humanos, muitas vezes esquecemos que os cães não são apenas animais de estimação, eles são criaturas vivas com suas próprias personalidades, medos e desejos.

Quando tentamos treiná-los, geralmente o fazemos com a suposição de que eles responderão aos nossos comandos sem questionar.

Mas e se adot√°ssemos uma abordagem diferente?

E se tent√°ssemos entender por que nossos cachorros latem excessivamente? E se escut√°ssemos seus latidos e tent√°ssemos decifrar o que eles est√£o tentando comunicar? E se abord√°ssemos o treinamento como uma parceria em vez de uma ditadura?

Acredito que, se pudermos mudar nossa mentalidade e abordar o treinamento com empatia e compreensão, podemos não apenas parar de latir excessivamente, mas também fortalecer nosso vínculo com nossos amigos peludos.

Portanto, da próxima vez que seu cão começar a latir excessivamente, dê um passo para trás e tente entender o que ele está tentando lhe dizer.

Você pode se surpreender com o que aprende.

Em conclusão, parar o latido excessivo em cães requer uma combinação de gatilhos e técnicas de treinamento, reforço positivo e estimulação mental, remédios naturais, busca de ajuda profissional e prevenção.

Mas não vamos esquecer que nossos cães são mais do que apenas animais de estimação, são criaturas vivas que merecem nosso respeito, empatia e compreensão.

Ent√£o, vamos abordar o treinamento com a mente aberta e vontade de aprender com nossos amigos peludos.

Como parar de latir de cachorro!

Dica: Ative o bot√£o de legenda se precisar. Escolha 'tradu√ß√£o autom√°tica' no bot√£o de configura√ß√Ķes se voc√™ n√£o estiver familiarizado com o idioma ingl√™s. Pode ser necess√°rio clicar primeiro no idioma do v√≠deo antes que seu idioma favorito fique dispon√≠vel para tradu√ß√£o.

Links e referências

  1. 1. "Latidos Excessivos"
  2. 2. "Livro eletr√īnico 'Shhush! Como ter um cachorro quieto'"
  3. 3. "Avaliação e Tratamento do Latido Excessivo no Cão Doméstico"
  4. 4. "O cachorro latindo"
  5. 5. "Medicina Comportamental Medo de Tempestades e Fogos de Artifício"
  6. 6. "Por que os cachorros latem?"
  7. Meu artigo sobre o tema:

    Parar latidos excessivos: dicas e ferramentas

    Gravando para mim: (Status do artigo: plano)

    Compartilhar no…