Diferenciando Latidos De Alarme De Latidos Brincalhões Para Pássaros

Como dono de um cachorro, você provavelmente está familiarizado com o som de latidos. É um comportamento natural que os cães usam para se comunicar com seus donos e outros cães. No entanto, o latido excessivo pode ser um incômodo e até um perigo para a saúde do seu cão. Se você está lutando para controlar o latido do seu cachorro, você não está sozinho. Na verdade, latir é um dos problemas comportamentais mais comuns relatados pelos donos de cães. Mas e se o seu cachorro estiver latindo para os pássaros?

É um latido de alarme ou brincalhão?

Compreender a diferença é crucial para abordar o comportamento e manter seu cão feliz e saudável. Neste artigo, explorarei os diferentes tipos de latidos e como diferenciá-los, especificamente quando se trata de latir para pássaros.

Principais conclusões (um breve resumo)

  • Ao diferenciar entre latidos de alarme e latidos brincalhões, preste atenção ao tom, tom, duração e linguagem corporal.
  • Técnicas de treinamento, como recompensar o bom comportamento, encorajar o comportamento calmo e dessensibilizar o cão, podem ajudar a parar de latir para os pássaros.
  • Identifique o latido de alarme prestando atenção à linguagem corporal e a um latido profundo e urgente.
  • Gatilhos comuns para latidos de alarme incluem imagens e sons, atividade na vizinhança e distúrbios externos.
  • Identifique os gatilhos e use guloseimas de alto valor para distrair e recompensar o bom comportamento para parar o latido de alarme.
  • Ferramentas como dispositivos ultrassônicos, colares de vibração e colares de spray podem ajudar a interromper o latido do alarme.
  • A medicação só deve ser usada sob a orientação de um veterinário e como parte de um plano de tratamento abrangente.
  • Se você possui uma raça propensa a latidos de alarme, dessensibilize seu cão aos gatilhos, forneça distrações e exercite-se para reduzir a ansiedade.
  • Identifique a causa do latido excessivo para controlar o comportamento com eficácia.

O restante deste artigo explicará tópicos específicos. Você pode lê-los em qualquer ordem, pois eles devem ser completos, mas concisos.

Compreendendo os latidos de alarme versus latidos brincalhões para pássaros

Latido de Alarme

O latido de alarme é um tipo de latido que os cães usam para alertar seus donos sobre possíveis perigos ou ameaças. Os cães têm uma audição aguçada e podem ouvir sons que são inaudíveis para os humanos. Quando ouvem algo que os assusta ou os excita, eles podem latir para alertar seus donos.

O latido de alarme geralmente é um latido repetitivo e agudo que pode ser irritante e perturbador.

Para diferenciar entre latidos de alarme e outros tipos de latidos, preste atenção ao tom, tom e duração do latido, bem como à linguagem corporal do cão. O latido de alarme geralmente é acompanhado por uma postura corporal tensa, pelos eriçados e um olhar fixo.

O cão também pode latir com mais intensidade e frequência do que o normal.

Se o seu cão está latindo para os pássaros, identifique a causa do latido. Os pássaros são um gatilho comum para latidos de alarme porque se movem rapidamente e são imprevisíveis. Seu cão pode percebê-los como uma ameaça, especialmente se eles fizerem ninhos em seu quintal ou perto de sua casa.

Para impedir que seu cão ladre para os pássaros, você pode tentar o seguinte:

  • Bloqueie a visão dos pássaros do seu cão: você pode usar cortinas, persianas ou persianas para bloquear a visão dos pássaros do seu cão. Isso reduzirá a estimulação visual e impedirá que eles fiquem excitados.
  • Distraia seu cão: você pode distrair seu cão brincando com ele, dando-lhe um brinquedo ou envolvendo-o em uma sessão de treinamento. Isso redirecionará sua atenção e reduzirá sua ansiedade.
  • Dessensibilize seu cão: você pode dessensibilizar seu cão para os pássaros, expondo-os aos pássaros à distância e recompensando-os por permanecerem calmos. Gradualmente, diminua a distância entre seu cão e os pássaros até que ele possa permanecer calmo na presença deles.

Latido brincalhão

O latido brincalhão é um latido mais agudo que geralmente é acompanhado por uma linguagem corporal solta e contorcida. O latido brincalhão é usado para convidar algo mais próximo ou instigar a brincadeira. Os cães podem latir de brincadeira quando veem outros cães, pessoas ou objetos com os quais desejam brincar.

Para diferenciar entre latidos lúdicos e outros tipos de latidos, preste atenção ao tom, tom e duração do latido, bem como à linguagem corporal do cão. O latido brincalhão geralmente é acompanhado por um rabo abanando, postura corporal solta e uma expressão brincalhona.

O cão também pode latir de forma intermitente e em rajadas curtas.

Se o seu cão estiver latindo de brincadeira para os pássaros, supervisione-os para garantir sua segurança. Os pássaros podem ser perigosos para os cães, especialmente se forem agressivos ou territoriais. Você também deve treinar seu cão para vir quando chamado e deixar os pássaros sozinhos.

Para impedir que seu cão latir de brincadeira para os pássaros, você pode tentar o seguinte:

  • Treine seu cão: Você pode treinar seu cão para vir quando chamado e deixar os pássaros sozinhos. Use técnicas de reforço positivo, como guloseimas, elogios e brinquedos para recompensar seu cão por bom comportamento.
  • Forneça saídas alternativas para brincar: você pode fornecer ao seu cão saídas alternativas para brincar, como brinquedos, quebra-cabeças ou jogos. Isso redirecionará sua energia lúdica e os impedirá de latir para os pássaros.
  • Supervisione seu cão: Você deve sempre supervisionar seu cão quando ele estiver fora de casa para garantir sua segurança. Mantenha-os na coleira ou em uma área cercada segura para evitar que persigam pássaros ou outros animais.

As razões por trás dos cachorros latindo para os pássaros

Os cães são animais instintivamente territoriais e podem latir para qualquer coisa que percebam como uma ameaça ao seu território. Os pássaros, com seus movimentos agitados e sons de chilrear, podem ser um gatilho para os cachorros latirem.

Esse comportamento pode ser inofensivo no início, mas se não for controlado, pode se tornar um problema.

Aqui estão algumas razões pelas quais os cães latem para os pássaros e como pará-los.

Excitação e medo

Os cães são animais naturalmente excitáveis, e a visão de um pássaro pode desencadear sua excitação. Eles podem latir em resposta aos movimentos do pássaro ou sons de chilrear. Da mesma forma, os cães podem latir para os pássaros por medo.

Esse medo pode derivar de uma experiência anterior negativa com pássaros ou simplesmente do desconhecimento da situação.

Comportamento Territorial

Os cães são animais territoriais e podem latir para qualquer coisa que percebam como uma ameaça ao seu território. Esse comportamento é especialmente comum em cães mantidos ao ar livre. Quando os pássaros voam sobre seu território, os cães podem latir para afirmar seu domínio e proteger seu espaço.

Como fazer os cães pararem de latir para os pássaros

Se o latido do seu cão para os pássaros está se tornando um problema, existem várias maneiras de treiná-lo para parar. Aqui estão algumas dicas:

Recompense o bom comportamento

Quando seu cachorro estiver do lado de fora e não estiver latindo para os pássaros, recompense o bom comportamento. Observe quando seu cão está ignorando os pássaros e dê-lhes uma guloseima. Esse reforço positivo encorajará seu cão a continuar com o bom comportamento.

Incentive o comportamento calmo

Sempre que seu cão estiver quieto e calmo perto dos pássaros, dê-lhes um petisco e recompense-os. Este será um motivador eficaz para parar o latido. Com o tempo, seu cão aprenderá que ficar calmo perto dos pássaros é uma coisa boa e terá menos probabilidade de latir.

Distraia seu cão

Se você conseguir prender a atenção do seu cão e afastá-lo dos pássaros, poderá ajudá-lo a se comportar com calma quando for tentado a correr ou latir. Se o seu cachorro estiver latindo para os pássaros próximos, em vez de arrastá-lo, simplesmente caminhe segurando um petisco para cachorro - ou um pedaço.

Isso ajudará a distrair seu cão dos pássaros e redirecionar a atenção deles para você.

Ensine uma recordação confiável

Ensine ao seu cão um recall confiável que o recompense por se afastar da coisa que desencadeia o latido e vir até você. Se o seu cão for recompensado com uma guloseima quando vier até você em vez de latir para um pássaro, é muito mais provável que ele volte para você quando você chamá-lo, sabendo que uma guloseima está reservada.

Use um comando "Silencioso"

Vá para fora com seu cachorro e se eles começarem a latir para os pássaros, imediatamente dê a eles um comando "silencioso" calmo, mas firme. Se eles não ouvirem, leve-os de volta para dentro imediatamente. A consistência é fundamental ao usar esse método, portanto, use o comando toda vez que seu cachorro latir para os pássaros.

Dessensibilize seu cão

Reproduza uma gravação silenciosa de sons de pássaros para o seu cão. A ideia por trás desse método é que, se seu cão ouvir o canto dos pássaros com frequência - especialmente em locais onde o cão está calmo - ele ficará insensível ao som dos pássaros e não perseguirá ou latirá mais para os pássaros ao ar livre.

Identificando latidos de alarme versus latidos brincalhões em cães

Latido de Alarme

O latido de alarme é a maneira do seu cão alertá-lo sobre algo que ele percebe como uma ameaça. Geralmente é um latido profundo e repetitivo que soa sério e urgente. Você pode reconhecer o latido de alarme prestando atenção à linguagem corporal do seu cão.

Se o seu cão está rígido e em estado de alerta, é sinal de que ele está tentando alertá-lo sobre algo.

Exemplos de situações que podem desencadear latidos de alarme incluem a chegada de um estranho, um barulho alto ou um cheiro desconhecido. Quando seu cão estiver latindo de forma alarmante, investigue a causa do latido.

Se houver uma ameaça real, remova seu cão da situação e mantenha-o seguro.

Latido brincalhão

O latido lúdico é um tipo de latido que os cães usam durante as brincadeiras. Geralmente é um latido rápido e agudo que soa feliz e animado. Você pode reconhecer latidos divertidos prestando atenção à linguagem corporal do seu cão.

Se o seu cachorro está relaxado e abanando o rabo, é sinal de que está se divertindo.

Exemplos de situações que podem desencadear latidos lúdicos incluem brincar de buscar, perseguir uma bola ou interagir com outros cães. Quando seu cachorro está latindo de brincadeira, não há problema em deixá-lo continuar, desde que não perturbe ninguém.

No entanto, se o latido se tornar excessivo ou irritante, é hora de redirecionar a atenção do seu cão.

Identificando os diferentes tipos de latidos

É essencial entender os diferentes tipos de latidos para melhor reagir às necessidades e comportamentos do seu cão. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a identificar os diferentes tipos de latidos:

  • O latido de alerta ou alarme é um latido profundo e repetitivo que soa sério e urgente. Seu cão estará rígido e em alerta.
  • O latido brincalhão é um latido rápido e agudo que soa feliz e animado. Seu cão ficará relaxado e abanando o rabo.
  • O latido de curiosidade é um latido agudo e curto em um tom mais alto. Seu cão ficará curioso sobre algo que viu, cheirou ou ouviu.
  • O latido ansioso é uma explosão curta de latidos em um tom relativamente alto. Seu cachorro também pode uivar.
  • O latido gaguejado é um tipo de latido que os cães usam quando estão brincando. Soa quase como uma gagueira e está em um tom médio.

Lidando com Latidos Excessivos

Se o seu cachorro está latindo excessivamente, é essencial resolver o problema. Latidos excessivos podem ser um sinal de ansiedade, tédio ou frustração. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a lidar com latidos excessivos:

  • Identifique a causa do latido. Seu cão está ansioso, entediado ou frustrado?
  • Redirecione a atenção do seu cão. Dê-lhes um brinquedo ou leve-os para passear.
  • Treine seu cão para ficar quieto sob comando. Recompense-os quando pararem de latir.
  • Procure a ajuda de um treinador profissional de cães ou comportamentalista.

Gatilhos comuns para latidos de alarme em cães

Os cães são conhecidos por seus latidos e, embora possa ser uma maneira útil de se comunicarem com os humanos, também pode ser um incômodo. O latido de alarme, em particular, pode ser um problema tanto para o cão quanto para seus donos.

Aqui estão alguns gatilhos comuns para latir de alarme em cães, bem como algumas dicas sobre como pará-lo.

Gatilhos para latidos de alarme

Imagens e sons: os cães são animais naturalmente curiosos e podem se assustar facilmente com imagens e sons desconhecidos. Isso pode incluir coisas como fogos de artifício, tempestades e até mesmo o som de um aspirador de pó.

Quando um cão está em um ambiente desconhecido, essas imagens e sons podem ser ainda mais alarmantes.

Atividade na vizinhança: os cães também são sensíveis ao que está acontecendo na vizinhança. Isso pode incluir o som de carros passando, a visão de pássaros voando no alto e a presença de vizinhos passando.

Mesmo que o cachorro esteja em seu próprio quintal, essas coisas podem ser suficientes para acionar o latido de alarme.

Fora de casa: finalmente, os cães costumam ser acionados por alguém ou algo fora de casa. Isso pode incluir o carteiro, entregadores e até mesmo outros cães que estão passando. Para alguns cães, esse gatilho pode ser ainda mais intenso se eles estiverem dentro de casa e não conseguirem investigar a origem do distúrbio.

Interrompendo o latido do alarme

Se o seu cão é propenso a latir de alarme, identifique os gatilhos que os acionam. Depois de saber o que está causando o comportamento, você pode começar a trabalhar para mudá-lo. Aqui estão algumas dicas para parar o latido de alarme em cães:

Dessensibilização: Uma maneira eficaz de parar o latido de alarme é dessensibilizar o cão ao gatilho. Isso envolve expor gradualmente o cão ao gatilho em um ambiente controlado até que ele não fique mais alarmado com isso.

Por exemplo, se seu cão tem medo de trovoadas, você pode reproduzir uma gravação de trovão em um volume baixo e aumentar gradualmente o volume ao longo do tempo.

Contracondicionamento: Outra técnica eficaz é o contracondicionamento, que envolve ensinar o cão a associar o gatilho a algo positivo. Por exemplo, se seu cão tem medo do carteiro, você pode dar a ele uma guloseima toda vez que o carteiro passar.

Com o tempo, o cão começará a associar o carteiro a algo positivo, em vez de algo a ser temido.

Reconheça o instinto: também é importante reconhecer o instinto do cão de alertar para algo incomum. Em vez de repreender o cachorro por latir, tente tranquilizá-lo de que está tudo bem.

Isso pode ser tão simples quanto dizer "bom cachorro" e dar um tapinha na cabeça dele.

Evite escalar: por fim, evite escalar o comportamento. Ignorar os latidos ou gritos com o cachorro pode piorar o comportamento. Em vez disso, tente redirecionar a atenção do cão para outra coisa, como um brinquedo ou guloseima.

Técnicas de treinamento para parar o latido de alarme em cães

Os cães são conhecidos por latir; é um comportamento natural que eles usam para se comunicar com seus donos e outros cães. No entanto, latidos excessivos podem ser um incômodo para você e seus vizinhos. O latido de alarme é um tipo de latido que os cães usam para alertar seus donos sobre um perigo potencial.

Embora reconheça a preocupação do seu cão, também é importante ensiná-lo a demonstrar sua preocupação de uma maneira diferente.

Aqui estão seis técnicas de treinamento para parar o latido de alarme em cães.

Identificar gatilhos

O primeiro passo para parar o latido de alarme é identificar o que desencadeia o latido do seu cão. Pode ser o som da campainha, a visão de um estranho ou o som de outros cachorros latindo. Depois de identificar os gatilhos, remova os poleiros e pontos de vista que permitem que seu cão veja ou ouça esses gatilhos.

Por exemplo, se seu cachorro late para as pessoas que passam perto de sua casa, feche as cortinas ou persianas para que ele não veja o lado de fora.

Contracondicione e dessensibilize o gatilho do latido do seu cão

O contracondicionamento e a dessensibilização são técnicas usadas para ensinar ao seu cão uma reação alternativa à coisa que originalmente causou o latido. Por exemplo, se seu cachorro late para as pessoas que passam perto de sua casa, você pode dessensibilizá-las para ver ou ouvir alguém passar.

Comece expondo seu cão ao gatilho a uma distância que não o faça latir.

Em seguida, diminua gradualmente a distância enquanto recompensa seu cão por não latir.

Eventualmente, seu cão aprenderá que o gatilho não é algo para latir.

Ensine uma deixa para o silêncio

Ensinar ao seu cão uma sugestão de silêncio, como "quieto", pode ser útil para interromper o latido de alarme. Comece dizendo "Silêncio" após o latido antes de elogiar e tratar, parando por meio segundo. Aumente gradativamente o tempo entre o latido e a guloseima, para que seu cão aprenda a ficar quieto por mais tempo.

Use o treinamento do Clicker

O treinamento com clicker é uma técnica de reforço positivo que pode ser usada para parar o latido de alarme. Comece colocando uma guloseima em seu punho fechado e coloque essa mão na frente do nariz. Eles serão capazes de sentir o cheiro e provavelmente pararão de latir.

Assim que ele parar de latir, diga "Silêncio", abra a mão e dê o petisco.

Repita esse processo até que seu cão aprenda a ficar quieto quando você diz "quieto".

Use o treinamento "Vá para o seu lugar"

O treinamento "Vá para o seu lugar" é uma técnica usada para ensinar ao seu cão um conjunto específico de comportamentos a serem adotados quando as pessoas entram em sua casa, para que ele tenha menos oportunidades de latir de alarme. Além disso, quando seu cão realizar seus novos comportamentos e receber recompensas, ele aprenderá que as pessoas não são uma ameaça.

Comece ensinando seu cão a ir a um local específico da casa, como uma cama ou caixote.

Então, ensine-os a ficar lá até você liberá-los.

Reconheça o latido do seu cão

Reconheça o latido do seu cão e use o treinamento de obediência para ensiná-lo a demonstrar sua preocupação de uma maneira diferente e se acalmar em um curto período de tempo. Depois de dizer ao seu cão como o latido dele é importante para você, use o treinamento de obediência para ensiná-lo a mostrar sua preocupação de uma maneira diferente e se acalmar em um curto período de tempo.

Isso ajudará seu cão a aprender que latir não é a única maneira de se comunicar com você.

Ferramentas e dispositivos para ajudar a interromper o latido do alarme

Se você é dono de um cachorro, sabe como pode ser frustrante quando seu amigo peludo não para de latir. Seja por causa do tédio, ansiedade ou apenas um mau hábito, o latido excessivo pode ser um incômodo para você e seus vizinhos.

Felizmente, existem ferramentas e dispositivos que podem ajudar a interromper o latido do alarme.

aqui estão alguns exemplos:

Dispositivos Ultrassônicos

Entre as principais ferramentas populares para interromper o latido de alarme está o dispositivo ultrassônico. Esses dispositivos produzem sons agudos em resposta a latidos que apenas os cães podem ouvir. O tom os incomoda, então funciona como uma correção e para quando o latido para.

Portanto, seu cão aprenderá que o latido traz o barulho e o silêncio o faz desaparecer.

colares de vibração

Outra opção são os colares vibratórios. Eles operam tanto ouvindo um latido quanto sentindo a vibração na garganta do cachorro. Portanto, apenas o cachorro que estiver usando o dispositivo acionará a correção. A coleira vai vibrar quando o cachorro late, o que pode ser suficiente para interromper o comportamento de latir.

colares de spray

Os colares de spray são outra opção para parar o latido de alarme. Estes liberam um spray inofensivo de citronela ou água em resposta ao latido. O spray distrai o cão e interrompe o latido. Isso pode ser uma ferramenta eficaz para cães particularmente teimosos ou resistentes a outros métodos de treinamento.

Dispositivos portáteis de controle de latidos

Dispositivos portáteis de controle de latidos são máquinas de fazer barulho que produzem sons agudos em resposta ao latido. Eles podem parar de latir e outros comportamentos indesejados, como beliscar, morder, mastigar, pular e implorar, sem machucar seu cão.

Esses dispositivos podem ser particularmente úteis para treinar seu cão a parar de latir em situações específicas, como quando os visitantes chegam ou quando você está tentando dormir.

Adestramento de cães com aversão ao som

O treinamento de cães com aversão ao som envolve a criação de um ruído alto e surpreendente para interromper o comportamento de latir. Por exemplo, você pode sacudir uma lata cheia de moedas para assustar seu cão e chamar sua atenção.

Este pode ser um método de treinamento eficaz, mas use-o com moderação e em conjunto com o treinamento de reforço positivo.

Reforço positivo

Finalmente, o reforço positivo é um dos métodos de treinamento mais eficazes para interromper o latido de alarme. Isso envolve recompensar seu cão por bom comportamento e ignorá-lo ou redirecioná-lo quando ele late.

Por exemplo, você pode dar uma guloseima ao seu cachorro quando ele parar de latir ou redirecionar sua atenção para um brinquedo.

Esse método de treinamento requer tempo e paciência, mas pode ser muito eficaz a longo prazo.

Medicação para latidos de alarme em cães

Determinando a causa subjacente do latido

Antes de considerar a medicação, é essencial determinar a causa subjacente do latido do seu cão. Os cães podem latir devido ao tédio, medo, agressão territorial ou ansiedade de separação, entre outros motivos.

Entender por que seu cão está latindo excessivamente ajudará você a escolher o plano de tratamento mais adequado.

A medicação é normalmente usada para tratar latidos relacionados à ansiedade, como ansiedade de separação.

Medicamentos para latidos relacionados à ansiedade

Existem diferentes medicamentos que podem ser usados ​​para tratar latidos relacionados à ansiedade em cães. Estes incluem Amitriptilina, Buspirona, Clomipramina, Fluoxetina e Prozac. Esses medicamentos funcionam alterando os níveis de certas substâncias químicas no cérebro que afetam o humor e o comportamento.

Observe que a medicação só deve ser usada sob a orientação de um veterinário e deve fazer parte de um plano de tratamento abrangente que inclua modificação e treinamento de comportamento.

Amitriptilina

A amitriptilina é um antidepressivo tricíclico que às vezes é usado para tratar a ansiedade de separação em cães. Funciona aumentando os níveis de serotonina e norepinefrina no cérebro. Esses produtos químicos ajudam a regular o humor e o comportamento.

Pode levar várias semanas para que o medicamento faça efeito e pode causar efeitos colaterais, como sonolência, boca seca e constipação.

Buspirona

Buspirona é um medicamento anti-ansiedade que às vezes é usado para tratar a ansiedade de separação em cães. Funciona aumentando os níveis de serotonina no cérebro. Pode levar várias semanas para que o medicamento faça efeito e pode causar efeitos colaterais, como sonolência, inquietação e desconforto gastrointestinal.

clomipramina

A clomipramina é um antidepressivo tricíclico que às vezes é usado para tratar a ansiedade de separação em cães. Funciona aumentando os níveis de serotonina no cérebro. Pode levar várias semanas para que o medicamento faça efeito e pode causar efeitos colaterais, como sonolência, boca seca e constipação.

Fluoxetina

A fluoxetina é um inibidor seletivo da recaptação da serotonina (ISRS) que às vezes é usado para tratar a ansiedade de separação em cães. Funciona aumentando os níveis de serotonina no cérebro. Pode levar várias semanas para que o medicamento faça efeito e pode causar efeitos colaterais, como sonolência, inquietação e desconforto gastrointestinal.

Prozac

O Prozac é um inibidor seletivo da recaptação da serotonina (ISRS) que às vezes é usado para tratar a ansiedade de separação em cães. Funciona aumentando os níveis de serotonina no cérebro. Pode levar várias semanas para que o medicamento faça efeito e pode causar efeitos colaterais, como sonolência, inquietação e desconforto gastrointestinal.

Quanto tempo leva para treinar um cão para parar de latir de alarme?

Se você é dono de um cachorro, pode ter visto seu amigo peludo latindo incontrolavelmente a cada pequeno som ou movimento. Embora latir seja um comportamento natural para os cães, pode se tornar um incômodo se acontecer em excesso.

O latido de alarme, em particular, pode ser um sinal de ansiedade ou comportamento territorial.

Treinar seu cão para parar de latir de alarme pode levar algum tempo e esforço, mas vale a pena no final.

Aqui estão algumas dicas e técnicas que podem ajudá-lo a treinar seu cão para parar de latir de alarme.

Identificar gatilhos

O primeiro passo para treinar seu cão para parar de latir de alarme é identificar os gatilhos que os levam a latir. Faça uma amostra ao longo de 72 horas e anote tudo o que faz seu cão latir. Isso ajudará você a entender o que está causando o comportamento e a desenvolver um plano para resolvê-lo.

Use guloseimas de alto valor

Para se preparar para o desligamento, você precisa de algumas guloseimas de alto valor, de preferência liofilizadas. Não adianta usar carne fresca ou queijo, a menos que você tenha um refrigerador, porque precisa manter as guloseimas à mão.

O uso de guloseimas de alto valor pode ajudá-lo a distrair seu cão de latir e recompensá-lo por bom comportamento.

Treino "tranquilo"

Se o seu cão continuar a latir com alarme ou latir territorialmente, apesar de seus esforços para bloquear sua exposição a imagens e sons que possam desencadear seus latidos, experimente a técnica de treinamento "Silencioso". Se o procedimento "Silencioso" for ineficaz após 10 a 20 tentativas, permita que seu cão latir 3 a 4 vezes, diga calmamente "Silencioso" e imediatamente escolha um local alternativo, como uma caixa ou tapete, e permaneça quieto até eles são convidados a cumprimentar adequadamente.

Treinamento Clicker

Alguns cães precisam de ajuda para se concentrar quando já estão latindo, especialmente se houver uma grande distração do lado de fora. O treinamento com clicker pode ajudá-lo a treinar seu cão para parar de latir sob comando. Coloque uma guloseima em seu punho fechado e coloque essa mão na frente do nariz.

Eles serão capazes de sentir o cheiro e provavelmente pararão de latir.

Assim que ele parar de latir, diga "Silêncio", abra a mão e dê o petisco.

Reconheça o latido

Para parar um ladrador de alarme, você precisa reconhecê-los primeiro. Ninguém gosta de ser ignorado, e isso inclui seu cachorro. Depois de dizer ao seu cão como o latido é importante para você, use o treinamento de obediência para ensiná-lo a mostrar sua preocupação de uma maneira diferente e se acalmar em um curto período de tempo.

Técnicas de reforço positivo podem ajudá-lo a treinar seu cão para parar de latir de alarme.

Gerencie o ambiente do seu cão

Gerenciar o ambiente do seu cão pode ajudar a evitar latidos. Por exemplo, se o seu cachorro late para as pessoas que passam pela janela, você pode bloquear a visão ou movê-lo para outro cômodo. Isso pode ajudar a reduzir sua exposição a gatilhos e evitar que ladrem excessivamente.

Raças propensas a latidos de alarme

Se você é dono de um cachorro, sabe que latir é um comportamento natural dos cães. No entanto, latidos excessivos podem ser um problema, especialmente se o seu cão for propenso a latir de alarme. O latido de alarme é quando um cachorro late em resposta a algo que percebe como uma ameaça ou perigo.

Esse tipo de latido pode ser desencadeado por várias coisas, como estranhos, outros animais, ruídos altos ou até mudanças no ambiente.

Algumas raças são mais propensas a latidos de alarme do que outras. Se você possui uma dessas raças, pode descobrir que seu cão late com mais frequência do que outros cães. Aqui estão algumas raças conhecidas por latir com frequência:

  • chihuahua
  • Schnauzer Miniatura
  • beagle
  • Yorkshire Terrier
  • Bichon Frisé
  • lulu da pomerânia
  • Shetland Sheepdog
  • Basenji
  • Cairn Terrier
  • terrier branco de montanhas ocidentais
  • Jack Russell terrier
  • Dachshund
  • pequinês
  • poodle toy
  • maltês
  • Shih Tzu
  • Lhasa Apso
  • boston terrier

Se você possui uma dessas raças, entenda que latidos excessivos podem ser um problema. Não só pode ser irritante para você e seus vizinhos, mas também pode ser um sinal de ansiedade ou estresse em seu cão.

Se você perceber que seu cão está latindo excessivamente, resolva o problema o mais rápido possível.

Se o seu cão é propenso a latir de alarme, há várias coisas que você pode fazer para ajudar a interromper o comportamento. Aqui estão algumas dicas:

1. Identifique o gatilho

O primeiro passo para interromper o latido do alarme é identificar o gatilho. O que está fazendo seu cachorro latir? É uma pessoa, animal ou ruído específico? Depois de saber o que está desencadeando seu cão, você pode trabalhar para resolver o problema.

2. Dessensibilize seu cão

Depois de saber o que está desencadeando seu cão, você pode trabalhar para dessensibilizá-lo ao gatilho. Isso envolve expor seu cão ao gatilho em um ambiente controlado e recompensá-lo por não latir.

Com o tempo, seu cão aprenderá que o gatilho não é uma ameaça e parará de latir.

3. Forneça distrações

Outra maneira de parar o latido de alarme é fornecer distrações para o seu cão. Isso pode incluir brinquedos, guloseimas ou quebra-cabeças com os quais seu cão pode brincar quando começar a latir. Isso ajudará a redirecionar a atenção do seu cão para longe do gatilho e para algo mais positivo.

4. Exercite seu cachorro

O exercício é importante para todos os cães, mas é especialmente importante para raças propensas a latidos de alarme. O exercício regular pode ajudar a reduzir os níveis de ansiedade e estresse do seu cão, o que pode ajudar a reduzir os latidos.

Se você está procurando um cachorro que late menos, existem várias raças conhecidas por sua natureza tranquila. Aqui estão algumas raças que são conhecidas por latir menos:

  • Akita
  • Cão da Serra de Aires
  • Buldogue
  • Cavalier King Charles Spaniel
  • Bulldog francês
  • Deerhound escocês
  • Wheaten Terrier de Pêlo Macio
  • Basenji
  • borzoi
  • galgo
  • Compositor irlandês
  • Terra Nova

Análise final e implicações

Em conclusão, diferenciar latidos de alarme de latidos brincalhões para pássaros pode ser uma tarefa complicada para qualquer dono de cachorro. Requer um grande senso de observação e compreensão do comportamento do seu cão. No entanto, é essencial distinguir entre os dois tipos de latidos para abordar a causa raiz do comportamento e impedir que seu cão latir excessivamente.

Mas o problema é o seguinte: os cachorros latem por um motivo.

É sua maneira de se comunicar conosco e com o mundo ao seu redor.

Portanto, em vez de tentar parar completamente o latido do cachorro, é crucial entender por que ele está latindo e resolver o problema subjacente.

Seu cão está ansioso ou entediado? Eles estão tentando proteger seu território ou buscando atenção?

Depois de identificar o motivo por trás do latido do seu cão, você pode trabalhar para resolver a causa raiz.

Forneça ao seu cão exercícios adequados e estimulação mental, ensine-lhe comandos para redirecionar seu comportamento e procure ajuda profissional, se necessário.

Lembre-se, os cães são criaturas complexas com suas personalidades e comportamentos únicos.

É nossa responsabilidade como donos de animais entendê-los e respeitá-los.

Portanto, da próxima vez que seu amigo peludo começar a latir para os pássaros, observe o comportamento deles e tente entender o que eles estão tentando lhe dizer.

No final, parar de latir de cachorro não é suprimir seu comportamento natural, mas encontrar uma maneira de se comunicar com eles de maneira eficaz.

Então, vamos nos esforçar para ser melhores donos de cães e construir um vínculo mais forte com nossos companheiros peludos.

Transforme o comportamento do seu cão

Cachorro latindo? Descubra como os donos de cães rapidamente transformaram seus cães em um amigo peludo obediente e bem comportado.

Aborde a causa do mau comportamento do seu cão, não apenas os sintomas, para que você possa ir direto à raiz do problema e resolvê-lo para sempre:

Treinamento on-line de cães

Como fazer seu cachorro parar de latir para os pássaros no jardim

Dica: Ative o botão de legenda se precisar. Escolha 'tradução automática' no botão de configurações se você não estiver familiarizado com o idioma inglês. Pode ser necessário clicar primeiro no idioma do vídeo antes que seu idioma favorito fique disponível para tradução.

Links e referências

Auto-lembrete: (Status do artigo: esboço)

Compartilhar no…